Vencedores do campeonato de Xadrez da Escola Tiradentes de Rondonópolis são premiados

27

 

Com 254 inscritos, os primeiros colocados do 1º Campeonato de Xadrez on-line promovido pela Escola Estadual Militar Tiradentes Major Ernestino Veríssimo da Silva de Rondonópolis receberam na terça-feira (13.07) as premiações. Realizada no final da tarde na instituição, todas as medidas de biossegurança foram tomadas, inclusive o uso obrigatório de máscara.

Para aluna Kauany Naiara Castro Ferreira, do 2° ano do Ensino Médio, que ficou em primeiro lugar e levou um tabuleiro e troféu, participar da competição agregou mais conhecimento.

“Aprender xadrez foi uma experiência diferente, por ter a concepção de ser um bicho de sete cabeças. Além de descobrir que o jogo é legal como um passatempo, ainda auxilia no meu cotidiano. Vencer foi divertido e mostrou ser uma experiência que posso evoluir em novas competições”.

O diretor da escola, tenente-coronel Kleber Franklin de Lima Ferreira, explica que a competição foi aberta para os 548 alunos e os interessados tiveram aulas remotas com uma equipe de professores envolvidos diretamente na organização e monitoramento de regras e partidas dos jogos.

Foram duas modalidades por faixa etária: menores de 13 anos e  menores de 17 anos, alunos do 7º ano fundamental até o 2º ano do ensino médio.

Os vencedores das faixas etárias de 13 anos foram: 1° Lugar – Manuely Garcia Deolindo (7° Ano/C); 2° Lugar – Gabriel de Souza Gregório Garcia (8° Ano/D) e 3° Lugar – Alexi Baldivieso Coro (8° Ano/A). Já das faixas etárias 17 anos foram: 1° Lugar – Kauany Naiara Castro Ferreira (2° Ano/A); 2° Lugar – Vinicius Patrick Britis Carvalho (2° Ano/A) e 3° Lugar: Gustavo Henrique Flores dos Santos (1° Ano/C).

O evento contou com a participação do presidente do Grêmio Estudantil da escola, professores de Educação Física, representantes da diretoria Regional de Educação da cidade, assessoria pedagógica da Secretaria de Educação, secretário escolar, coordenadoras pedagógicas, presidente do Conselho Deliberativo da Comunidade (CDCE), alunos e pais. (Texto sob supervisão)

Fonte: PM MT

Comentários Facebook