Trio é preso por roubo com restrição de liberdade de vítimas cometido em chácara na zona rural

54

Raquel Teixeira/Polícia Civil-MT

Equipe da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá (Derf) localizou e prendeu nesta quarta-feira (22.07) três homens investigados por um roubo com restrição de liberdade das vítimas cometido há uma semana, em uma propriedade na zona rural de Cuiabá. Com eles, os policiais aprenderam duas réplicas de arma de fogo e o carro utilizados no crime e recuperaram parte dos produtos roubados. Os suspeitos foram reconhecidos pelas vítimas.

Os três homens foram localizados nos bairros Altos da Serra e Planalto, ambos na Capital. Na casa de um deles, os investigadores encontraram o veículo usado para praticar o roubo e uma das televisões roubadas na chácara.

Simulacros de armas de foto utilizados no crime

Os três foram autuados em flagrante pelo delegado Rodrigo Azem Buchdid, da Derf-Cuiabá, pelos crimes de roubo com restrição de liberdade das vítimas e receptação. Após os procedimentos policiais, os suspeitos foram encaminhados a uma unidade prisional da região metropolitana de Cuiabá.

Crime

No dia 16 de julho, o trio chegou à chácara na comunidade do Morro de São Gerônimo e um deles simulou interesse em comprar verduras. Enquanto o caseiro da propriedade empacotava os produtos, o suspeito armado anunciou o assalto. Na casa, os criminosos abordaram os outros moradores, entre eles crianças e uma idosa, exigindo dinheiro e todo momento ameaçavam as vítimas. Depois de trancarem todos em um quarto e amarrarem o caseiro, os três fugiram em um Gol branco levando aparelhos celulares, duas televisões, alimentos e artigos de montaria da casa.

 
Um dos televisores roubados foi recuperado

A partir das informações apuradas, inclusive de que um dos criminosos já teria prestado serviço na propriedade rural, a equipe de investigadores conseguiu identificar e localizar um dos suspeitos no bairro Altos da Serra. Na casa dele, os policiais encontraram um veículo com as mesmas características do que foi utilizado para praticar o roubo. Em checagem foi constatada que a placa que estava no carro não conferia com o chassi. Após conferência em sistema de segurança pública pelo número do chassi, a equipe da Derf verificou que a placa original do veículo era outra e o carro foi roubado no estado de São Paulo.

Questionado sobre o roubo na chácara, o suspeito disse que participou do crime junto com outras duas pessoas e que em sua residência estava uma das televisões roubadas.

O segundo suspeito, localizado no mesmo bairro, confessou a autoria do crime e informou que estava com um simulacro de arma de fogo utilizado na ação. Na casa foram encontrados os dois simulacros.

Com o terceiro suspeito, localizado no bairro Planalto, os investigadores encontraram um dos aparelhos celulares com as mesmas características do que foi roubado das vítimas.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook