SERVIDORES UNIDOS, JAMAIS SERÃO VENCIDOS!!! R.G.A. JÁ SE NÃO MT VAI PARAR.

551

Greve geral a partir do dia 24. Se não sair o R.G.A. Mato Grosso vai parar!!!

O governador do Estado Pedro Taques desde o ano passado vem impondo dificuldades para conceder direitos de servidores públicos estaduais adquiridos por lei, mais especificamente o Reajuste Geral Anual/RGA. O tempo todo é esse NHE NHE NHÉM de culpar a administração passada para justificar ter feito tão pouco em um ano e meio de gestão.

Pedro Taques sabia das condições do Estado desde quando se candidatou ao governo, estando ciente da situação em que se encontrava o Estado. Já passou da hora de mostrar serviço, chega de ficar dando desculpas esfarrapadas para justificar a falta de realizações. Em vez de querer mostrar força para o funcionalismo público, mostre força para a sociedade e faça essas empresas bilionárias terminarem as obras da copa do mundo. VLT, dois abraços. Já estão recuperando os canteiros, então as obras não terminam mais ou vão destruir tudo de novo para refaze-las depois de terminarem as obras? Isto é, se terminarem um dia.

Sempre que há uma crise financeira no Brasil, os governos Federal, Estadual e Municipal culpam os servidores públicos, seja pelo número excessivo, seja pelo montante total do gasto com a folha de pagamento dos servidores. É verdade que muitos servidores realmente ganham se fazer praticamente nada. Mas isso se resolve cortante os cargos comissionados, que na sua imensa maioria são apenas peso morto, que não contribuem em nada com os serviços que devem ser prestados para a população, ou seja, não passam de cabides de empregos. O governo alega que mesmo cortando 100% dos cargos comissionados a economia seria menos de 20% da valor gasto com a folha de pagamento.

Mas uma medida dessas, se efetivada, traria muitos benefícios para a sociedade mato-grossense, evitando os sucessivos e milionários escândalos que se sucedem dia a dia com os golpes contra o erário público, pois de cada um desses casos que são descobertos envolvendo gente da administração pública, de cada 100 envolvidos apenas dois ou três são servidores efetivos.

Todos os dias ficamos sabendo pela imprensa de escândalos de todos os tipos. Bilhões são roubados em todos os níveis da administração pública, os bandidos quando presos não ficam um mês encarcerados e nada ou praticamente nada é devolvido ao Estado para ajudar a minimizar as despesas e gastos com a sociedade.

Além de tudo que está acontecendo, hoje (20.05) abrimos os jornais e lá está: Governo do Estado vai anunciar concurso público para contratar 13.367 servidores que causarão impacto de no mínimo R$ 431.600 ao ano. É o fim da pica mesmo, que desfaçatez é essa? Se esse governo desde o seu começo vem alegando falta de recursos para tudo e que no ano passado parcelou o nosso reajuste e este ano está nesse chororô, por causa de um beneficio nosso concedido através de lei e com data especifica para ser concedido, alegando não poder ferir a Lei de Responsabilidade Fiscal, faz anúncios como esse?

Há sim, é por causa do enorme volume de recurso que se arrecada com as inscrições. Em 2010 foi feito aquele concurso para três mil pessoas e trinta e cinco mil se inscreveram, então vamos fazer concurso uai!!! Aliás, ninguém sabe o que é feito com esse dinheiro. O governo que todo ano gasta milhões com publicidade, tem a obrigação de divulgar a cada concurso realizado, quanto se arrecadou, onde foi ou serão investidos, quantas pessoas foram aprovadas no concurso foram chamadas, isso está na Constituição Federal. Eu tenho certeza absoluta que 99% da sociedade não sabe nada sobre esses dados.

QUEREMOS O R.G.A JÁ, SE O GOVERNADOR NÃO PAGAR, O ESTADO VAI PARAR.

GREVE GERAL A PARTIR DO DIA 24.05.2016

 

Comentários Facebook