Segundo dia do julgamento do impeachment tem testemunhas de Dilma; assista

464

Agência Senado

Nesta sexta-feira (26), segundo dia do julgamento do impeachment da presidente afastada Dilma Rousseff, os senadores vão ouvir seis testemunhas de defesa da petista. A acusação vai se reunir para levantar informações sobre as testemunhas da defesa, que possam motivar a desqualificação de seus depoimentos como provas.

Veja mais: Primeiro dia do julgamento final do impeachment tem bate-boca e troca de farpa

Eles vão usar como base a decisão do ministro Ricardo Lewandowski, que tirou do procurador Júlio Marcelo de Oliveira o status de testemunha, transformando-o em informante do processo, por conta de um comentário no Facebook sobre uma manifestação pela rejeição das contas da presidente afastada.

O senador Cássio Cunha Lima (PSDB-PB) adiantou que onde encontrarem as mesmas situações, os senadores vão pedir a desqualificação.

Assista ao segundo dia do julgamento do impeachment:


Comentários Facebook