Saúde apresenta plano de trabalho para zerar fila de acesso a tratamentos oftalmológicos

498
A apresentação do plano está prevista para ocorrer ainda no mês de setembro – Foto por: Anderson Acendino/SES

A apresentação do plano está prevista para ocorrer ainda no mês de setembro

Nesta quinta-feira (25.08), o secretário de Estado de Saúde, João Batista Pereira, apresentou o plano de trabalho para contratação de serviços de oftalmologia. Ainda na ocasião, foi explanado o protocolo para credenciamento dos serviços, conforme acordo estabelecido entre a SES e Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá, na Câmara de Mediação da Justiça. A apresentação do plano para a sociedade e gestores está prevista para ocorrer ainda no mês de setembro.

O plano de trabalho, produzido pela Secretaria Adjunta de Regulação irá, por exemplo, zerar a fila de espera de 12.527 pessoas que aguardam por uma consulta oftalmológica, conforme registro do Sistema de Regulação da Secretaria Municipal de Saúde de Cuiabá.

O plano estabelece que seja feita a contratação de serviços médicos hospitalares e ambulatoriais, disponibilizados nos hospitais gerais especializados, serviços de cirurgia ambulatorial, unidades móveis assistenciais e, com isso, atender a demanda reprimida registradas nas centrais de regulação municipal e estadual.

O estado tem hoje 38 unidades de saúde que oferecem tratamento cirúrgico do parelho da visão, em 12 municípios e nove regionais de saúde. Dezesseis unidades pertencem à rede do Sistema Único de Saúde (SUS) própria ou conveniada que realizam cirurgias oftalmológicas e outras 21 oferecem tratamento ambulatorial.        

Para o secretário João Batista, a medida irá atender a demanda reprimida de tratamentos, exames e cirurgias oftalmológicas registradas no Sistema de Regulação (Sisreg). “É uma ação de Governo que busca dar dignidade ao mato-grossense que corre risco de perder a visão e aguarda há anos por uma consulta”, argumenta.

O presidente da Associação Mato-grossense de Oftalmologia, Renato Bett, destaca que a iniciativa representa um marco no segmento, por meio do trabalho de parceria com o Governo. “A iniciativa irá extinguir a fila de pessoas que esperam há muito tempo”.

Participaram também da reunião as secretárias adjuntas da SES de Regulação, Maria Gabriela Boabaid Teixeira, de Políticas e Regionalização, professora Maria Salete Ribeiro, e a secretária adjunta de Saúde de Cuiabá, Iracema Maria Queiroz.

Comentários Facebook