Robinho lamenta lesões e empate: "Tem que fazer o resultado em casa"

441
 

A noite de quarta-feira não foi nada agradável para o Atlético-MG. No Mineirão, na estreia na Copa do Brasil, o time de Marcelo Oliveira não conseguiu nada além de um empate por 1 a 1 com a Ponte Preta (veja os melhores momentos no vídeo acima). O resultado é ruim, já que, com ele, o time de Campinas pode classificar até com um empate sem gols no segundo jogo, mas os motivos para lamentações não param por aí. Antes do jogo, Victor foi cortado com dores lombares. Durante a partida, Marcos Rocha – que sentiu a coxa direita – e Rafael Carioca – que torceu o tornozelo esquerdo – saíram machucados e também preocupa o departamento médico alvinegro. Três titulares que podem aumentar a lista de machucados do Galo, que já tem Patric, Erazo, Cazares, Júnior Urso, Giovanni e Luan. Quem lamentou tudo isso foi Robinho, autor do único gol atleticano no jogo.

Robinho Atlético-MG x Ponte Preta (Foto: Giazi Cavalcante / Agência Estado)Robinho foi um dos destaques positivos do Galo no empate por 1 a 1 (Foto: Giazi Cavalcante/Agência Estado)

– Claro que a gente quer ganhar sempre. Na Copa do Brasil tem que fazer o
resultado em casa, mas infelizmente não conseguimos. Estamos acostumados a jogar
com os titulares. Rocha, Carioca, perdemos o Victor também, mas os jogadores
que entraram tentaram fazer o melhor.

Apesar do resultado ruim, qualquer vitória no segundo jogo garante a classificação para o Galo e é neste resultado que Robinho mantém a confiança.

– Infelizmente a gente não conseguiu ganhar, mas empatamos. Com todo
respeito ao time da Ponte Preta, mas temos condições de vencer lá também.

A segunda partida do confronto é daqui a quase um mês, no dia 21 de setembro, no Moisés Lucarelli. Além de qualquer vitória, o Galo também se classifica com qualquer empate com dois ou mais gols marcados. Em caso de novo 1 a 1, a disputa vai para os pênaltis.

Comentários Facebook