Polícia Civil recupera valor subtraído de vítima do golpe de falso intermediador

26

A Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada de Repressão a Crimes Informáticos (DRCI) em parceria com a Delegacia de Sinop, região norte do Estado, recuperou parte do valor subtraído de uma vítima do golpe do falso intermediador.

Nesta sexta-feira, a vítima de 45 anos procurou a Delegacia de Sinop para registrar a ocorrência. O comunicante informou que recebeu um anuncio da rede social Facekook, sobre a venda de um veículo Fiat Palio, e se interessou na compra.

A vítima entrou em contato com o suposto vendedor, o qual informou que o carro estava a venda por R$ 12 mil. Deste modo despertou o interesse devido ao valor, e o comunicante realizou a transferência na quantia de pouco mais de R$ 10 mil, para a conta bancária informada pelo golpista.

Na sequencia a vítima ainda realizou mais duas transferências, nos valores de R$ 1 mil e R$ 150, para outras diferentes contas também indicadas pelo suspeito. 

Em seguida ao ter pago todo o valor, a vítima foi até o cartório para realizar o registro com o verdadeiro dono do automóvel, momento em que foi informada que o proprietário desconhecia todo o ocorrido, bem como não havia recebido nenhum pagamento. 

A Delegacia de Sinop solicitou apoio da DRCI, que conseguiu recuperar através de bloqueio bancário, no valor de $ 6,3 mil subtraído da vítima. As investigações continuam visando identifcar o autor do crime.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook