Polícia Civil prende dois envolvidos em latrocínio de morador de Primavera do Leste

76

Assessoria/Polícia Civil-MT

Policiais civis da regional de Primavera do Leste prenderam na noite desta segunda-feira (18), em Juscimeira, município da região, dois dos investigados pelo crime de latrocínio que vitimou Gleidison Sampaio, 39 anos, ocorrido no final do mês de abril, no município de Santo Antônio de Leverger.

O adulto e uma adolescente foram localizados em uma residência de um familiar da moça. Os policiais chegaram ao casal após diligências realizadas pela equipe da Delegacia de Roubos e Furtos de Primavera (Derf) e Núcleo de Inteligência da regional.

A vítima, morador de Primavera do Leste, era motorista de aplicativo e saiu para fazer uma corrida. A esposa procurou a Polícia Civil no município relatando que ele não retornou para casa.

No dia 28 de abril, a Polícia Militar foi acionada pela gerência de uma pousada na comunidade Olho d’Água, município de Santo Antônio de Leverger, sobre uma pessoa que foi encontrada morta em um dos quartos do local. Os policiais apuraram que a vítima tinha sinais visíveis de tortura, estava amordaçada e com braços e pernas amarrados.

Na noite anterior ao crime, quatro pessoas chegaram em um carro modelo SUV, da vítima, e se hospedaram no local. O veículo era dirigido por um dos suspeitos e a vítima estava no banco de trás do carro. Momento depois, três pessoas saíram do local no carro, sem a vítima. Imagens de câmera da pousada registraram toda a movimentação de chegada e saída do grupo.

As diligências para esclarecimento do crime contaram com apoio de equipes da Delegacia de Santo Antônio de Leverger, Delegacia de Roubos e Furtos de Veículos de Cuiabá e tiveram continuidade na Delegacia de Roubos e Furtos de Primavera do Leste, para identificar todos os envolvidos no latrocínio.

A delegada responsável pela investigação, Anamaria Machado Costa, destaca também a parceria do Ministério Público Estadual, Poder Judiciário, do delegado regional Carlos Roberto Moreira e o empenho dos policiais civis para dar uma resposta ao crime bárbaro, que chocou o município. “Os dois principais envolvidos foram localizados e as oitivas foram realizadas pelo delegado regional de Primavera, ocasião em que os envolvidos confessaram e detalharam o fato”.

Durante as oitivas, um dos suspeitos deu informações sobre o mandante do crime. As investigações continuam com outras diligências para identificar outros possíveis envolvidos no crime e também para cumprimento de mandado judicial de apreensão.

O adulto preso nesta segunda-feira foi autuado por latrocínio (roubo seguido de morte) e corrupção de menores. A adolescente vai responder por ato infracional análogo a latrocínio.

Fonte: PJC MT
Comentários Facebook