Operação Ponto Final combate fraudes em certames públicos federais

132

Cabedelo/PB – A Polícia Federal deflagrou no domingo (7/4) a Operação Ponto Final, com objetivo de combater fraudes em certames públicos federais.

A operação contou com a participação de 10 policiais federais, sendo realizada a prisão de quatro pessoas que realizavam as provas para os cargos de Administrador e Assistente em Administração do concurso da UFPB. As prisões ocorreram nas cidades de Rio Tinto e João Pessoa.

Os candidatos presos utilizavam instrumentos eletrônicos de recepção de dados, com objetivo de receberem, de terceiros, o gabarito de suas provas.

Os investigados responderão pelos crimes de fraude em certames de interesse público e organização criminosa, cujas penas, se somadas, poderão chegar a 14 anos de reclusão.

 

 

Comentários Facebook