Morre pastor Cláudio Claro, compositor da canção Videira

120

 

Líder do Ministério Tabernáculo de Davi estava em tratamento contra câncer raro

Thamirys Andrade – 18/09/2021 11h37 | atualizado em 18/09/2021 11h51 

Morreu neste sábado (18) o pastor Cláudio Claro, vítima de um câncer raro e agressivo localizado no introducto de via biliar. O Líder do Ministério Tabernáculo de Davi estava em tratamento no Hospital do Fundão (HUCFF), no Rio de Janeiro.

A família usou a conta oficial do pastor para agradecer a Deus pela vida do líder religioso e pelo seu dom em compor canções de adoração.

– Queridos irmãos, é com muito pesar que comunicamos o falecimento do Cláudio. Como muitos sabem, em maio foi diagnosticado um câncer nas vias biliares e nas duas últimas semanas o estado dele se agravou por complicações do próprio câncer. Agradecemos imensamente o tempo que pudemos conviver com ele e por termos sido presenteados com belíssimas canções e melodias. Devemos sempre lembrar que cremos na vida eterna, e com certeza o pai, marido, tio e amigo Cláudio Claro já está ao lado do nosso Senhor e salvador Jesus Cristo em sua nova vida – diz o perfil.

Post nas redes sociais lamenta a morte do pastor Cláudio Claro

Compositor, Claro deixa como legado canções queridas por igrejas de todo o Brasil, como Videira, Pão da Vida, Libertador e Profetiza.

Mesmo durante sua luta contra o câncer, o pastor não deixou de exercer seus talentos musicais e adorar a Deus, compondo músicas terapêuticas compiladas no documental musical Dr. Jesus.

O novo álbum foi lançado no último dia 3 de setembro em todas as plataformas digitais, e traz um “relato de grandes manifestações do Espírito Santo no HUCFF.”

O projeto proporcionou a Claro “um tempo de felicidade, mesmo em meio a tantas tribulações”, conforme afirmou em suas redes sociais.

Comentários Facebook