Luverdense cai para 13º na classificação

652

Equipe de Mato Grosso foi derrotada pelo Vila Nova, por 2 a 0; sábado enfrenta o Ceará

O Luverdense, do décimo lugar caiu para o 13º com nove pontos depois de perder por 2 a 0 para o Vila Nova de Goiás em pleno estádio Passo das Emas, em Lucas do Rio Verde, na noite de terça-feira (7) pela 7ª rodada da Série B do Campeonato Brasileiro. O Luverdense volta à campo no dia 11, sábado, também em Lucas do Rio Verde, para enfrentar o Ceará (CE), 6º colocado com 13 pontos. O líder continua sendo o Vasco, que na terça venceu por 2 a 0 o Joinville (SC) e abriu três pontos de vantagem sobre o vice-líder Atlético (GO), agora com 19 contra 16 pontos.

O confronto de terça-feira no Passo das Emas foi de baixo nível técnico, com os comandados de Júnior Rocha não se encontrando em campo. O clube visitante, que ocupava o 17º lugar com quatro pontos e sob o comando técnico do auxiliar Cuca, já que na segunda-feira o então técnico Rodrigo Mancini pediu demissão, foi melhor e abriu o placar ainda na etapa inicial através do meia Vandinho, Vila 1 a 0 e ampliou com o atacante Jean Carlos e saltou para o 14º lugar com sete pontos.

O elenco do time da casa não reeditou o futebol que jogou diante do vice-líder Atlético (GO) uma semana antes e permitiu que o Vila Nova mandasse em campo. Poucos lances de perigo foi criado pelo Luverdense durante os 90 minutos de jogo e ainda na etapa inicial perdeu o zagueiro Murulha, expulso por levantar o pé alto em direção ao jogador adversário. Com um homem a menos o Luverdense não mostrou reação e permitiu que o clube goiano conquistasse sua segunda vitória no nacional, a primeira fora de casa.

Na etapa final Júnior Rocha promoveu mudanças no time e não surtiu o efeito desejado. “No futebol tem dessas coisas. As vezes não da certo e fomos infelizes na noite de terça-feira. Agora é esquecer e voltar os pensamentos para o próximo compromisso, que vai ser aqui em Lucas e procurar acertar os erros e buscar a reabilitação a qualquer custo”, comentou o técnico.

O goleiro Gabriel Leite, do Luverdense, livre de qualquer culpa no primeiro gol, na opinião do técnico Júnior Rocha, disse que a derrota é de todo o grupo. “Não foi eu que perdi. É uma derrota da equipe. Não podemos procurar um culpado e sim levantar a cabeça e voltar a trabalhar com muita dignidade e buscar acertar contra o Ceará. A Série B é um campeonato difícil e não podemos marcar bobeira, ainda mais jogando em casa”, finalizou o goleiro. O Luverdense recebe o Ceará (CE) às 20h do sábado, no Passo das Emas, em Lucas.

Comentários Facebook