JOGADOR DO BOA VISTA NEGA ENVOLVIMENTO EM ESTUPRO DE JOVEM DE 16 ANOS

674

JOGADOR DO BOA VISTA DO RIO DE JANEIRO É SOLTO POR FALTA DE PROVAS E LUTADOR RAÍ DE SOUZA, É TRANSFERIDO PARA BANGU

RIO DE JANEIRO – O jogador de futebol Lucas Perdomo Duarte Santos, de 20 anos, que chegou a ser preso sob a  acusação de envolvimento no estupro de uma jovem de 16 anos, mas foi solto por ausência de provas, negou, em novo depoimento nesta quarta-feira (08.06) ter conhecimento do segundo vídeo feito da  adolescente, que comprova o estupro.

O suspeito foi preso no dia 30 de maio e solto no dia 03 de junho. Nesta quarta-feira prestou novos esclarecimentos, por cerca de uma hora e meia, à Delegada Cristina Bento, titular da 1ª Delegacia da Criança e Adolescente Vítima (DCAV). Ele saiu da delegacia por volta das 12h30 e não quis falar com a imprensa. Estava com os país e a advogada Renata Barcelos.

A delegada tampouco aceitou dar declarações. Ela se limitou a dizer que Santos afirmou não ter tido conhecimento do segundo video da menina que veio a tona no último domingo. A vítima aparece sendo forçada a fazer sexo e reclama de dor.

LUCAS – conheicido como Petão no Morro do Barão, na Zona Oeste do Rio de Janeiro, onde aconteceu o estupro, e Luquinhas, no futebol – também descreveu a casa em que esteve, no dia 21  de maio, com a menina, uma amiga e o lutador de Raí de Souza. Ele afirmou ter feito sexo com a amiga, e que Souza fez com a adolescente

Comentários Facebook