Investigado por atear fogo em casa de ex-companheira com a família dentro é preso em Brasnorte

29

Um homem procurado pela Polícia Civil em Brasnorte pelos crimes de lesão corporal e por causar incêndio na residência da ex-companheira teve o mandado de prisão cumprido na última sexta-feira (01.07). 

O investigado, de 37 anos, estava com a prisão preventiva decretada pelo juízo da Comarca de Brasnorte após representação encaminhada pelo delegado do município, Eric Fantin. 

O crime ocorreu no dia 27 de maio, quando o investigado, após uma noite de agressões físicas e verbais contra a vítima, ateou fogo na residência, onde também estavam outras pessoas, inclusive, uma criança. As vítimas conseguiram sair do local a tempo. 

Vizinhos acionaram a polícia e um caminhão-pipa foi usado para combater as chamas, mas a casa foi totalmente destruída pelo fogo. A ex-companheira do autor do crime necessitou ser hospitalizada em função das agressões sofridas. 

Após cometer o crime, o investigado confessou, por um aplicativo de mensagens, o crime e disse ainda que “se pegar depois fora do flagrante já era … não dá nada mais”. 

A prisão preventiva do autor foi decretada e desde a data do crime ele estava foragido, até que na sexta-feira, após buscas realizadas pela equipe da Delegacia de Brasnorte, ele se apresentou na unidade e teve cumprido o mandado de prisão.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook