Governador Mauro Mendes recebeu lideranças comunitárias na Casa Civil, hoje (19)

173

PRIMEIRA REUNIÃO DO GOVERNADOR DE MATO GROSSO COM O MOVIMENTO COMUNITÁRIO DO VALE DO RIO CUIABÁ

CUIABÁ/MT – Na manhã desta quarta-feira (19), em um salão na Casa Civil do Governo do Estado de Mato Grosso, recebeu lideranças do Movimento comunitário de Cuiabá de de várias cidades, como Rondonópolis e algumas do Nortão, num gesto de aproximação com a comunidade.

Dando início ao encontro, várias lideranças discursaram. O primeiro foi Édio Martins, sub-secretário de Ação Comunitária e presidente desde 2009, da União das Associações de Moradores de Bairros/U.C.A.M.B., que inaugurou uma extensa sequência de elogios ao governador, como se este estivesse sendo o melhor governador da história de Mato Grosso. “Em primeiro lugar quero agradecer ao governador Mauro Mendes, por ser um homem de palavra. Em sua campanha, o senhor disse que daria ouvidos ao Movimento Comunitário e o está fazendo muito bem“, disse.

Na sequência, cerca de sete ou oitos lideranças comunitárias se derramaram em elogios sobre o governador, inclusive, um comparou-o ao ex-governador Dante de Oliveira, por ser os únicos que tiveram coragem de fazer reforma tributária. Mais do que um absurdo, a comparação, já que Dante é o homem das “Diretas Já” e Mauro Mendes só elegeu-se governador de Mato Grosso, por causa dos servidores públicos estaduais que rejeitaram Pedro Taques. O presidente da Federação das Associações de Moradores de Bairro, Walter Arruda, parabenizou Édio Martins, pelo trabalho realizado na recém criada Secretaria, o governador e as mulheres presentes na reunião. “Quero parabenizar todas as mulheres que militam, e muito bem, no Movimento Comunitário e, que são muitas“, declarou ele, sendo bastante aplaudido pelas mulheres presentes.

Também se fizeram presentes nessa primeira reunião, os deputados estaduais Maxi Russi, Ondanir Bortolini [Nininho] e Carlos Avallone. Russi disse que como líder do governo na Assembleia Legislativa, aconselhou-o em algumas ações: “Governador, diminua os Cargos Comissionados. Diminua a compra de combustíveis, diminua os gastos com a máquina publica“, afirmou. Já Nininho, parabenizou o governador pela criação da Secretaria de Ação Comunitária, que segundo ele, será de muito valor para a comunidade em geral.

Por último, discursou o governador Mauro Mendes, que fez uma explanação de seu primeiro ano como governador, 2019. Disse que em 2018, o Estado gastou com a folha de pagamento dos servidores estaduais, mais os poderes [repasses para Assembleia Legislativa, Tribunais de Justiça e de Contas e o Ministérios Público Estadual] 84% do total arrecado pelo Governo do Estado e em 2019, conseguiu reduzir para 75%. Disse que já autorizou a compra de 4.000 pistolas Glock e 400 veículos para servirem às secretarias de governo

Mendes afirmou que não governa com a mentira. Governa com a verdade. Disse que foi cobrado a realizar Concurso Público. Mas como vou fazer concurso e aumentar a folha de pagamento, se existe a Lei de Responsabilidade Fiscal?Mas mentiu na campanha, quando afirmou que iria valorizar os servidores e pagaria as R.G.A.’s de 2017 e 2018 que Pedro Taques não pagou. Muito menos pagou a de 2019 também. E ainda está aumentando de 11% para 14% a contribuição previdenciária, inclusive para inativos, mas não paga as reposições previstas em lei [RGA]. Abriu mão da arrecadação de mais de 1 Bilhão [Incentivos Fiscais] e reclamou que o governo federal não repassou os valores referentes ao FEX e os da Lei Kandir. Disse também, ao final do evento, que uma reunião como a que aconteceu hoje por ano é pouco, mas por outro lado, realizar mais de uma por ano, com tanta gente, também não seria muito viável.
Fotos e vídeos são do acervo particular de Joacir H. de Amorim. 

Fale com o autor: joacirhermes@gmail.com ou 65 9322-9728 [WhatsApp]

Comentários Facebook