Gimenez tira passaporte italiano e "abre" portas no mercado europeu

643

Depois da vitória contra o América-MG, em Belo Horizonte, na semana passada, o lateral Gimenez foi liberado para o clube para embarcar à Itália. O Objetivo era especial. O jogador foi encaminhar o passaporte italiano. Por esse motivo, também ficou fora da lista de relacionados para a partida contra o Cuiabá, nesta quinta, pela Copa Sul-Americana.

Gimenez Chapecoense (Foto: Cleberson Silva/Chapecoense)Gimenez tem vínculo com a Chape até o fim do ano e tirou passaporte italiano (Foto: Cleberson Silva/Chapecoense)

Com o passaporte em mãos, o lateral-direito “abre” portas no mercado europeu. A dupla cidadania pode facilitar uma negociação com um clube do exterior. Com o passaporte, ele não ocupa uma vaga de extracomunitário na Europa. 

O jogador, de 21 anos, chegou a despertar o interesse de uma equipe europeia, que acenou com o desejo de ter o atleta por empréstimo. Com o Verdão, o vínculo do ala é válido até o fim deste ano. Gimenez voltou ao Oeste catarinense nessa quarta e se juntou ao grupo alviverde. 

Confira mais notícias do esporte de catarinense no GloboEsporte.com/sc

Comentários Facebook