Fiscalização conjunta resulta em prisão de suspeito de jogar dejetos em Área de Preservação

31

Um homem suspeito de despejar dejetos em área de preservação permanente foi preso em flagrante, na segunda-feira (23.05) em ação conjunta da Polícia Civil, por meio da Delegacia Especializada do Meio Ambiente (Dema), em parceria com o Juizado Volante Ambiental (Juvam) e Secretaria Municipal do Meio Ambiente de Várzea Grande (Semma-VG).

A ação resultou na apreensão de um caminhão basculante utilizado para a prática criminosa, além da autuação do suspeito pelo crime ambiental de causar poluição que resulte ou possa resultar danos à saúde humana e mortandade de animais e destruição significativa da flora.

Durante diligências na região do bairro Jardim Eldorado em Várzea Grande, as equipes flagraram um caminhão, com duas caçambas de coletas cheias de dejetos (lixos de construção e em geral), sendo despejados em um terreno em área de preservação permanente.

Foi realizada a abordagem do motorista, que informou ser funcionário de uma empresa que recolhe os dejetos para posterior destinação e que o dono do terreno havia autorizado o despejo dos resíduos no local, porém não apresentou nenhum tipo de autorização para o ato ilícito.

Diante dos fatos, o caminhão foi apreendido e o suspeito encaminhado à Dema onde foi lavrado o flagrante pelo crime ambiental. O proprietário da empresa se apresentou na especializada, sendo também interrogado sobre os fatos.

Segundo a delegada titular da Dema, Liliane Murata, além do flagrante o infrator também foi responsabilizando pelo dano causado a sociedade, sendo aplicada multa no valor de R$ 20 mil.

Fonte: PJC MT

Comentários Facebook