“Eu não sei do que vocês estão falando” diz Guedes sobre o reajuste do diesel

122

Paulo Guedes
José Cruz/Agência Brasil

Paulo Guedes está em Washington para a reunião de primavera do FMI e do Banco Mundial

O ministro da Economia, Paulo Guedes, sugeriu não ter sido consultado pelo presidente Jair Bolsonaro (PSL) a respeito da decisão de  cancelar o reajuste do diesel que havia sido decidido pela Petrobras. Perguntado se não havia sido informado sobre a interferência do presidente nos preços da Petrobras, Guedes respondeu que “é uma inferência razoável, aparentemente”. 

Depois de uma série de reuniões no Fundo Monetário Internacional (FMI), em Washington, Guedes foi perguntado a respeito da decisão de Bolsonaro. “Eu não sei do que vocês estão falando”, respondeu o ministro. “Eu passei o dia inteiro trabalhando, não tenho informação suficiente.”

Nas vezes em que foi questionado se foi consultado sobre a decisão de Bolsonaro de cancelar o reajuste, Guedes afirmou: “Eu tenho um silêncio ensurdecedor com os senhores.”

Leia também: Com intervenção de Bolsonaro, Petrobras perde R$ 32 bilhões em valor de mercado

O ministro afirmou não querer comentar o assunto. “Eu queria conversar com vocês sobre o andamento do dia (em Washington), aí aconteceu alguma coisa lá que eu vou ter que me informar, porque eu passei o dia na sala enquanto vocês estavam tendo informação”, disse Guedes.

O ministro está em Washington para a reunião de primavera do FMI e do Banco Mundial. Também participa de encontros do G-20 e dos Brics, além se reunir com investidores e autoridades.

Comentários Facebook