Diretoria do bairro Tancredo Neves reúne-se com Secretario-adjunto de Assuntos Comunitários, Édio Martins

149

 

Reunião da Diretoria do bairro Tancredo Neves com pessoal da UCAMB [Foto: Joacir Hermes]

CUIABÁ/MT – Na manhã da segunda-feira, 25, a Diretoria da Associação de Moradores do Bairro  Tancredo Neves/AMBTN, nas figuras da Presidente Regina Ferraz e do Secretário Joacir Hermes esteve reunidos com o Secretário Adjunto de Assuntos Comunitários, da Secretaria de Estado de Trabalho Assistência Social e  cidadania/SETASC, na sede do órgão, no Palácio Paiaguás, sede do governo do Estado de Mato Grosso no período de 10h00 as 11h45, na sala do Secretário Édio Martins, que também exerce o cargo de Presidente da União Cuiabana das Associações de Moradores de Bairros/UCAMB, onde também estiveram presentes o Coordenador Jonail, a advogada Jaqueline e diretores da UACMB, Jonathan e um outro do qual esqueci de anotar o nome. 

Na oportunidade, a presidente Regina expôs ao staff estadual as muitas duvidas que temos com relação aos procedimentos que deveremos tomar para sanarmos as dezenas de problemas envolvendo o bairro Tancredo Neves que herdamos de gestões anteriores. Naquele momento colocamos em pauta as seguintes questões:

  • Como deveremos proceder para resolver o problema de CNPJ inativo de nosso bairro, já que estamos apreensivos a respeito desse problema, uma vez que segundo fontes confiáveis existe uma dívida de mais de R$ 60 mil em nome do bairro;
  • Que posição devemos tomar quanto aos problemas do sumiço dos Livros Atas, já que a atual gestão nunca teve acesso a um Livro Ata que seja, o que para um bairro como o nosso com quase 40 anos de existência, é um verdadeiro absurdo; 
  • A possibilidade da UCAMB inquerir gestores anteriores quanto ao que realmente aconteceu para que o Centro Comunitário fosse demolido [sob qual justificativa e sob responsabilidade de quem], o porque da extinção do programa Caju 2000 e o que fim que levaram os utensílios da cozinha comunitária do bairro conseguida com muito esforço por alguns presidentes e descartados de forma negligente por outros que não tiveram esforço algum para obtê-los.

A União Cuiabana de Associações de Moradores de Bairros/UCAMB, age politicamente, evitando entrar em áreas de conflitos nos bairros que venham atrair a atenção da mídia, ainda mais que ano que vem será um ano de eleições. A única coisa de bom bom para o bairro que adveio dessa reunião, foi que Édio Martins determinou à sua advogada, Dra. Jaqueline e ao Coordenador Jonail que resolvam o problema de inatividade do CNPJ de nosso bairro, já que para isso são necessários os serviços de um Contador, coisa de que nosso bairro não dispõe.

Quanto aos dois outros assuntos discutidos na referida reunião, Édio afirmou que: “A UCAMB não tem poder de polícia, para obrigar os ex-presidentes a se explicarem, que deveríamos resolver esses problemas conversando com eles. Expediente da qual já usamos, já que Eu [Joacir] e a presidente já conversamos com alguns deles e já percebemos que seria pura perda de tempo.

Como dissemos anteriormente, a UCAMB age de maneira politica, especialmente nos anos que antecedem ou nos anos em que ocorrem eleições em Cuiabá ou eleições gerais. Nessa parte ela não tomará nenhuma atitude para nos ajudar, pois sabemos que as coisas que por aqui aconteceram envolvem pessoas ligadas a vários nomes conhecidos da politica local. A divisão de nosso bairro jamais ocorreria sem o aval e colaboração da Câmara Municipal.

Porém, a Diretoria do bairro Tancredo Neves, se quiser e tiver coragem para peitar quem quer que seja, conseguir um advogado trabalhador e de confiança, podemos sim fazer esse pessoal dar conta das ações que fizeram com nosso bairro.

Comentários Facebook