Começaram obras de pavimentação no Centro América. No Tancredo Neves, só Deus sabe quando…

50
Placas que anunciam obras de pavimentação nas ruas do bairro Centro América em Cuiabá. [Foto: www.clubenews.com.br]

Após mais de uma década de atraso, moradores do bairro Centro América comemoram pavimentação das ruas do bairro

CUIABÁ/MT – Depois das decepções em 2010 e 2018 e, ter que esperar mais de uma década para ver concretizado o sonho de ver as ruas do bairro Centro América asfaltadas, os moradores ostentam sorriso largo em seus rostos por verem as obras de pavimentação em suas ruas serem retomadas na segunda feira (09), após começar e ser paralisadas abandonadas em duas ocasiões.

Muito ao contrário dos moradores do Centro América, contentes com essa benfeitoria, os do bairro Tancredo Neves [do qual o bairro Centro América foi desmembrado no ano de 1993] estão terrivelmente decepcionados. No Centro América, as coisas só saíram do papel devido a ajuda do Deputado Estadual Eduardo Botelho (União) que no ano passado destinou emenda ao Orçamento do Governo Estadual com recursos para essas obras atualmente sendo realizadas no referido bairro.

Enquanto que o Tancredo Neves não conta com a simpatia de nenhum agente político a nível estadual ou federal que tivessem se preocupados em ajuda-lo. Nossa presidente da Associação de Moradores fechou apoio ao vereador por Cuiabá Macrean Santos (PSC), do tipo “com porteiras fechadas”, ou seja, em nosso bairro só se fala no nome dessa autoridade pública, sendo terminantemente proibido mencionar o nome de qualquer outro político.

Não se pode negar que o referido vereador tem nos ajudado na medida do possível, porém, os resultados não estão sendo satisfatórios. Algumas obras importantes foram realizadas no nosso bairro fruto do esforço e trabalho de Macrean Santos, mas na questão do asfalto, praticamente nada aconteceu para o bairro Tancredo Neves, a ser o fato de o bairro ter sido inserido na Concorrência Pública 005/2020, cujos serviços já licitado e estão com as obras em andamento em vários outros bairros. Menos no nosso bairro Tancredo Neves.

Enquanto vários bairros também inseridos nessa mesma Concorrência Publica já tiveram suas obras de pavimentações iniciadas e algumas já concluídas, no caso do Tancredo Neves estamos vivendo de promessas. O empréstimo de R$ 100 milhões aprovado pela Câmara Municipal em março do ano passado, até a presente data não foi liberado. Sempre que questionamos o Secretário de Obras de Cuiabá, José Roberto Stopa, ele liga para alguém e essa pessoa só precisa enviar um último documento para o BNDES para que ocorra a liberação dos recursos para realizações das obras em nosso bairro. A última promessa foi no começo do mês de março deste ano e até agora, NADA!!!

Em uma reunião na residência da presidente da Associação de Moradores, um sábado à tarde em meados do mês de março do corrente ano, o vereador nos prometeu que na segunda feira iria disponibilizar para a Diretoria da Associação ou para a presidente Regina Ferraz, algum documento que nos permitisse fazer o acompanhamento da liberação desse empréstimo e até a presente data, absolutamente NADA!!! Como no Centro América, precisaremos de um Deputado Estadual, Federal ou um Senador que influencia no governo estadual e nos consiga o mesmo benefício que o Centro América recebeu de Eduardo Botelho. Porém, com o bairro fechado exclusivamente com o vereador Macrean Santos dificilmente iremos conseguir tal coisa. Até porque o vereador não tem demonstrado receber muita atenção por parte do Prefeito de Cuiabá, apesar da fidelidade canina demonstrada pelo vereador nas votações referentes ao prefeito de Cuiabá.

Além do mais, acredito que pelo fato da atual Diretoria ser composta de “Marinheiros de primeira viagem” em termos de gestão, estamos tendo maiores dificuldades nas nossas demandas. Apesar de já estarmos a dois anos e seis meses à frente da Associação demoradores, não conseguimos ainda nenhum tipo de parceria ou convênio com alguma empresa ou mesmo alguma pessoa física interessada em ajudar o bairro. O Centro América, por exemplo já desfruta de parcerias com a Faculdade FASIP, com o Comper, com farmácias da Rede Pague Menos e com o famoso açougue dos ossinhos. Porém, essas parcerias não caem do céu…

Esta atual Diretoria também peca pela ociosidade, quantos aos deveres para com a Associação de moradores. Por exemplo, a vice-presidência e as 1ª e 2º Tesourarias, são totalmente inoperantes. Em quase dois anos e meio de gestão a Associação de Moradores nunca teve nem R$ 0,01 em caixa. Se for necessário comprar um AAS infantil para algum morador que não possa comprar, não temos. A função de 1ºe2º Tesoureiro é de angariar fundos/recursos para que a Associação possa prestar alguma ajuda a qualquer morador em dificuldade extrema. Isso, decorre do erro no momento da formação da Chapa que concorreu e foi eleita em 2019. Deveriam seres colhidas pessoas com perfil adequado para ocupar esses cargos, mas ao que parece as escolhas foram apenas para a montagem da chapa.

Comentários Facebook